quarta-feira, 29 de julho de 2015

A NECESSIDADE DE UM SALVADOR - ROMANOS 8:32


A NECESSIDADE DE UM SALVADOR

Aquele que não poupou a seu próprio Filho, mas o entregou por todos nós, como não nos dará juntamente com ele, e de graça, todas as coisas?
Romanos 8:32

Intro:

1.           Em nosso estudo sobre a Soterologia já vimos que
a)                  O dever do homem de ser grato pela Graça de Deus e de Conhecer os benefícios da Graça;
b)                 O Estado original do Homem;
c)                  A realidade do pecado;

2.           Hoje nós veremos que na condição de Pecador, o homem não tem condições de salvar-se. Não tem condições de livrar-se do pecado. Somos como o impuro — todos nós! Todos os nossos atos de justiça são como trapo imundo. Isaías 64:6

3.           Contudo, Deus que é Justo e Amoroso, providenciou um meio para a redenção da Humanidade.

PROPOSIÇÃO:
Uma vez que o homem está totalmente depravado pelo pecado, necessita de um Salvador.

I – QUAL FOI O PREÇO?

1.           Vimos nos estudos anteriores que o preço pelo pecado do Homem é a morte Pois o salário do pecado é a morte. Romanos 6:23

2.           Logo, para que o problema do pecado fosse resolvido era necessário o derramamento de sangue, a morte de alguém. De fato, segundo a Lei, quase todas as coisas são purificadas com sangue, e sem derramamento de sangue não há perdão. Hebreus 9:22

3.           Contudo, não poderíamos nos mesmos pagar este preço, uma vez que estamos impregnados pelo pecado e por isso nosso sangue não é puro.pois todos pecaram e estão destituídos da glória de Deus”. Romanos 3:23

4.           Era necessário um sacrifício perfeito. Quem o poderia dar? Pois vocês sabem que não foi por meio de coisas perecíveis como prata ou ouro que vocês foram redimidos da sua maneira vazia de viver que lhes foi transmitida por seus antepassados,
mas pelo precioso sangue de Cristo, como de um cordeiro sem mancha e sem defeito, 1 Pedro 1:18,19

5.           Portanto, o preço pelo nosso pecado era tão alto que só o Sangue perfeito de Jesus poderia pagar. O PREÇO DO PECADO FOI A MORTE DE CRISTO!

II - A QUEM JESUS PAGOU O PREÇO?

Ilustração:
“George Thomas, um pregador Inglês, apareceu um dia em sua pregação carregando uma gaiola e a colocou no púlpito, começou a falar.
‘Estava andando pela rua ontem, e vi um menino levando essa gaiola com 3 pequenos passarinhos dentro com frio e com medo.’
Eu perguntei: Menino o que você vai fazer com esses passarinhos?
Ele respondeu: leva-los para casa tirar as penas e queima-los, vou me divertir com eles.
Quanto você quer por esses passarinhos menino?
O menino respondeu: – O senhor não vai quere-los, eles não servem para nada. São feios!
O pregador os comprou por 10 dólares! E os soltou em uma árvore!
Um dia Jesus e Satanás estavam conversando e Jesus perguntou a satanás o que ele estava fazendo para as pessoas aqui na terra.
Ele respondeu: Estou me divertindo com elas, ensino a fazer bombas e a matar, a usar revolver, a odiar umas a outras, a casar e a divorciar, ensino a abusar de criancinhas, ensino os jovens a usar drogas, a beber e fazer tudo o que não se deve e que os conduzirá a maldição futura!
Estou me divertindo muito com eles!
Jesus perguntou: E depois o que você vai fazer com eles?
Vou mata-los e acabar com eles!
Jesus perguntou: Quanto você quer por eles?
Satanás respondeu: você não vai querer essas pessoas, elas são traiçoeiras, mentirosas, falsas, egoístas e avarentas!
Elas não vão te amar de verdade, vão bater e cuspir no Teu rosto, vão te desprezar e nem vão levar em consideração o que você fizer!
Quanto você quer por elas satanás?
Quero toda a tua lágrima e todo o teu sangue!
Disse Jesus: Trato feito!
E pagou o preço da nossa liberdade!”
  1. A ilustração acima reflete o pensamento de muitos assim chamados “pais da igreja” que acreditavam que Jesus pagou o preço pelo pecado ao diabo.

  1. Mas este é um conceito também amplamente aceito por muitos teólogos em nossos dias.

  1. O pensamento deles é que desde a Queda, a humanidade concedeu o direito de posse ao diabo. Ou como é largamente ensinado hoje, “Deu lugar para o diabo tomar posse da vida humana”.

  1. Não podemos negar que a Cruz foi um meio de derrota para o diabo: e, tendo despojado os poderes e as autoridades, fez deles um espetáculo público, triunfando sobre eles na cruz”. Colossenses 2:15

  1. Contudo, temos que refletir sobre alguns pontos dessa teoria:

a.    Ela concede mais poder ao diabo do que ele realmente possui. Temos que ter em mente que o diabo está limitado pela Vontade Soberana de Deus. Ex: Jó só foi atingido até o ponto que Deus quis; satanás pediu a Deus para peneira-los como trigo, mas Jesus não permitiu (Lucas 22:31).

·         Se Jesus tivesse algum preço a pagar ao diabo, Ele estaria sujeito a este.

b.   Por causa dessa ideia, muitos pensam que a Cruz foi uma barganha com o diabo. Essa teoria coloca Deus em pé de igualdade com satanás (dualismo), uma vez que o Senhor estaria sujeito as imposições deste. Esse pensamento é ultrajante para o Senhor Todo-Poderoso.

c.    Temos que reconhecer que satanás tem algum poder, porém o Senhor é infinitamente muito mais Poderoso. Observe o texto abaixo:
Quando um homem forte (o diabo), bem armado, guarda sua casa, seus bens estão seguros.
Mas quando alguém mais forte (Jesus) o ataca e vence, tira-lhe a armadura em que confiava e divide os despojos.
Lucas 11:21,22

DEUS NÃO DEVE NADA AO DIABO, A NÃO SER CASTIGO!

ENTÃO, A QUEM O PREÇO FOI PAGO???

  1. Em primeiro lugar temos que entender que a Honra e a Santidade de Deus foram ofendidas quando o homem pecou.

  1. Como vimos na pregação anterior, o pecado gerou uma dívida impagável (humanamente falando). Mas essa dívida era com Deus, Santo, Santo, Santo.

  1. Então Deus sendo Justo, não poderia simplesmente passar por cima (dar anistia) aos homens pelo pecado.

  1. A Justiça Divina exigia Satisfação.

  1. Para que Deus se mantivesse Justo, como Ele é, teria que exigir o preço a ser pago do homem, uma vez que foi ele quem pecou.

  1. Mas, nenhum homem poderia paga-lo, pois era necessário um sacrifício perfeito. E PERFEITO SÓ DEUS.

  1. Contudo, sendo Deus Amor, Ele mesmo concedeu  a SOLUÇÃO DO PROBLEMA!

  1. “E o Verbo se fez carne, e habitou entre nós” João 1:14

  1. Jesus = 100% Homem (quem deveria pagar o preço) e 100% Deus (o Único que poderia pagar o preço).
Seja a atitude de vocês a mesma de Cristo Jesus, que, embora sendo Deus, não considerou que o ser igual a Deus era algo a que devia apegar-se; mas esvaziou-se a si mesmo, vindo a ser servo, tornando-se semelhante aos homens. E, sendo encontrado em forma humana, humilhou-se a si mesmo e foi obediente até à morte, e morte de cruz! Filipenses 2:5-8

***SENDO JUSTIÇA, DEUS EXIGIA UM PREÇO A SER PAGO. SENDO AMOR, ELE MESMO PAGOU O PREÇO PELO NOSSO RESGATE.

III - OS BENEFÍCIOS DA MORTE DE CRISTO POR NÓS

  1. O PERDÃO DOS PECADOS: Nele temos a redenção por meio de seu sangue, o perdão dos pecados, de acordo com as riquezas da graça de Deus, Efésios 1:7
A.           O perdão não veio porque éramos bons: não por causa de atos de justiça por nós praticados, mas devido à sua misericórdia, ele nos salvou pelo lavar regenerador e renovador do Espírito Santo Tito 3:5

B.           Também não veio por causa de nossa religiosidade: Pois vocês são salvos pela graça, por meio da fé, e isto não vem de vocês, é dom de Deus; não por obras, para que ninguém se glorie. Efésios 2:8,9

C.           Portanto, o perdão dos pecados e consequentemente o perdão dos pecados é uma obra Divina e não humana. E nada que façamos ou deixemos de fazer nos faz dignos da Salvação.

2. RECONCILIAÇÃO COM DEUS:
Tudo isso provém de Deus, que nos reconciliou consigo mesmo por meio de Cristo e nos deu o ministério da reconciliação, ou seja, que Deus em Cristo estava reconciliando consigo o mundo, não lançando em conta os pecados dos homens, e nos confiou a mensagem da reconciliação. 2 Coríntios 5:18,19

Tendo sido, pois, justificados pela fé, temos paz com Deus, por nosso Senhor Jesus Cristo, Romanos 5:1

3. VIDA ETERNA: Ele o fez a fim de que, justificados por sua graça, nos tornemos seus herdeiros, tendo a esperança da vida eterna. Tito 3:7



Pastor Ricardo Castro
Igreja Bíblica Vida Eterna (IBVE)
ricardo.castro828@gmail.com
(83) 9 8820-2712
(83) 3238-2778
Compartilhar:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

DEIXE SEU COMENTÁRIO AQUI

CONHEÇA OS LIVROS DO PR. RICARDO CASTRO

TRANSLATE

HELP US

HELP US

Seguidores

Total de visualizações

ONLINE AGORA

Tecnologia do Blogger.

Pastor Ricardo Castro

Minha foto
João Pessoa, Paraíba, Brazil
Pastor Fundador da Igreja Bíblica Vida Eterna (IBVE) na cidade de João Pessoa/PB. Músico, escritor e Teólogo, Casado com a Missionária Sulamita Castro e Pai de Nathan Castro e Ricardo Castro Jr (Ambos Músicos). Tocou em diversas bandas gospel (Aliança, Força e Louvor, Exodus, Mount Hermon, Plena Virtude). Hoje é Produtor e Maneger da Banda Gospel Pacto 7, a qual seus filhos fazem parte. Contato: Email: ricardo.castro828@gmail.com -Fones: (83) 98820-2712 *** (83) 3238-2712

BAIXE ESTE LIVRO AGORA

PEDIDO DE ORAÇÃO

Nome

E-mail *

Mensagem *

CLIQUE AQUI E CONHEÇA NOSSA IGREJA

SIGA-NOS POR EMAIL

PRA. SULAMITA & PR. RICARDO CASTRO

PRA. SULAMITA & PR. RICARDO CASTRO

POSTAGENS

NOTÍCIAS GOSPEL

SLIDE SHOW

PastorRicardo_Castro_Ibve's  album on Photobucket

CONHEÇA MEU LIVRO