quinta-feira, 11 de agosto de 2016

O PERSISTENTE AMOR DE DEUS


O PERSISTENTE AMOR DE DEUS


Desde a mais tenra idade tenho percebido que o amor é o tema central da vida dos seres humanos. Todas as suas mais belas manifestações artísticas estão saturadas desse tema, haja vista a quantidade de músicas, filmes, quadros e etc. que abordam o tema. Grosso modo, até parece que as pessoas não vivem sem amor, seja um relacionamento que lhes traga sentimentos bons, seja familiares que estejam ao seu lado, ou amigos com quem se pode contar nos momentos mais difíceis. Sentir-se amado e amar é uma necessidade básica dos humanos.
Contudo, a cada ano uma dura realidade nos esbofeteia com violência, nos trazendo à realidade. Estamos vivendo em um tempo em que o verdadeiro amor está a cada dia tornando-se escasso. Até as manifestações artísticas que antes tinham como objeto de inspiração o amor, hoje paulatinamente está sendo trocado pelo placebo das baladas e aventuras promíscuas. Para comprovar o que digo basta apenas deter-se um pouco para escutar as músicas mais atuais. A palavra de ordem de tais expressões artísticas é “balada”. Com isso podemos ver que em nossos dias que o amor está cada vez mais “solúvel”, efêmero, transitório. Já dizia certo artista: “O amor é eterno enquanto dura”.
Atrelado a este amor instantâneo e passageiro está o embrutecimento das pessoas, que cada vez mais pensam apenas em si mesmo e na satisfação de seus desejos. As novas gerações estão sendo doutrinas conforme este conceito de relações relâmpago.
E com o advento das novas tecnologias a coisa apenas tem piorado. Por meio das redes sociais, o contato humano fica cada vez mais rarefeito. Hoje a quantidade de amigos de uma rede social ultrapassa em muito aqueles amigos que podemos abraçar beijar e/ou chorar em seu ombro. Sem falar que hoje as pessoas perderam o sentido do que seja a caridade e o amor ao próximo. A maioria dos atos caridosos e supostamente altruístas tem como objetivo serem retratados nas redes sociais para uma maior quantidade de likes. Tornando inclusive tais atos em uma competição para ver quem se sai melhor. E o que dizer dos acidentes e calamidades que nos cercam? Essas se tornaram alvo de filmagens e takes fotográficos para a postagem nas redes e o consequente acúmulo de likes. Quando deveria ser o alvo de nosso empenho para demonstrar a verdadeira caridade e benevolência cristã.
O que nossa geração tem esquecido é do verdadeiro amor expresso nas páginas do Livro Santo. A Bíblia é o Livro que desde a primeira página até seu término fala de uma htistória de amor incondicional. Um amor não efêmero e transitório, mas um amor verdadeiro, sólido e que gera atitudes. As Escrituras falam do Amor de Deus pela Obra de Suas Mãos: o homem.
Desde o início da história humana, vemos o homem desprezando o Amor de Deus. A despeito de o Senhor o ter criado de uma forma singular (com as próprias Mãos de Deus) e lhe e conceder sua Imagem (Genesis 2:7), deliberadamente o homem decidiu por ceder aos caprichos da serpente, desprezando assim o Amor do Senhor. Contudo, o Senhor, com seu obstinado amor saiu em busca do Homem. Devido à vergonha Adão e Eva esconderam-se. Mas Deus o buscou, revelando assim seu amor incondicional. E nesta feita lhe prometeu a provisão para o erro cometido pelo homem. Esta provisão era o Sacrifício de Seu Filho em favor do homem, que decaiu de sua condição de inocência para a condição de consciência e pecado (Gen. 3:15). Desde então as páginas do Livro Sagrado narra as nuances dessa busca amora de Deus que culmina na Morte Sacrificial de Jesus na Cruz do Calvário. Na Morte do Seu Filho Deus estava reconciliando os homens Consigo mesmo (2ª Cor. 5:19). Foi na Morte de Jesus que Deus provou Seu amor para conosco, ainda que não merecêssemos  (Rom 5:8). Deus veio em busca dos que se haviam perdidos.

Então, pergunto a você, amado(a) irmão(ã): Já desfrutou desse amor? Já sentiu que Deus sempre está em busca de você?
Saiba que Deus trouxe esse pequeno folheto às suas mãos para que você saiba que Ele te ama tanto que deu o Melhor que Ele tinha por você. Ele deu Seu Filho para resgatar sua vida (Rom 8:32).
Se você reconhece que Ele te ama, agora não é o momento de você responder a este sacrifício à altura, entregando sua vida a Ele?

Pastor Ricardo Castro
(83) 98689-6192
ricardo.castro828@gmail.com
facebook.com/pastorricardo.castro
youtube.com/pastorricardocastro
pastorricardocastro.blogspot.com.br




Igreja Bíblica Vida Eterna

Rua José Rosas, 168 Mangabeira 1 – João Pessoa/PB
Compartilhar:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

DEIXE SEU COMENTÁRIO AQUI

CONHEÇA OS LIVROS DO PR. RICARDO CASTRO

TRANSLATE

HELP US

HELP US

Seguidores

Total de visualizações

ONLINE AGORA

Tecnologia do Blogger.

Pastor Ricardo Castro

Minha foto
João Pessoa, Paraíba, Brazil
Pastor Fundador da Igreja Bíblica Vida Eterna (IBVE) na cidade de João Pessoa/PB. Músico, escritor e Teólogo, Casado com a Missionária Sulamita Castro e Pai de Nathan Castro e Ricardo Castro Jr (Ambos Músicos). Tocou em diversas bandas gospel (Aliança, Força e Louvor, Exodus, Mount Hermon, Plena Virtude). Hoje é Produtor e Maneger da Banda Gospel Pacto 7, a qual seus filhos fazem parte. Contato: Email: ricardo.castro828@gmail.com -Fones: (83) 98820-2712 *** (83) 3238-2712

BAIXE ESTE LIVRO AGORA

PEDIDO DE ORAÇÃO

Nome

E-mail *

Mensagem *

CLIQUE AQUI E CONHEÇA NOSSA IGREJA

SIGA-NOS POR EMAIL

PRA. SULAMITA & PR. RICARDO CASTRO

PRA. SULAMITA & PR. RICARDO CASTRO

POSTAGENS

NOTÍCIAS GOSPEL

SLIDE SHOW

PastorRicardo_Castro_Ibve's  album on Photobucket

CONHEÇA MEU LIVRO